quinta-feira, 1 de abril de 2010

Primeiro de abril



Ela quis pregar uma peça no namorado, pra não deixar o dia da mentira passar em brancas nuvens. Tentou disfarçar a cara de menina sapeca fazendo travessura, dissimulou a cara mais séria que podia, pra ocasião, e mandou:

" Beto... Vim te dizer que está tudo acabado entre nós"

"Por que? Assim, do nada? O que houve?"

"Você não é a pessoa que imaginei e..."

"Não acredito! Quem te contou? Quem foi o fofoqueiro que não pôde ver um casal feliz? Lu, eu juuuuro, aquela noite não significou nada pra mim.  Na-da! Por favor, entenda, você estava viajando, eu estava carente, sentindo sua falta... Pô,  eu sou homem, não segurei a onda.  A galera toda vendo aquele mulherão caindo em cima e eu nada... Coisa de homem, sabe? Não aguentei ouvir, sem reagir: "Cê é homem ou um saco de batata, Betão?" Mas te dou minha palavra: foi só sexo. Sexo casual, mesmo. Sem nenhuma importância. Nunca mais soube dela.  Além do mais, só serviu mesmo pra eu ter certeza que é você, mesmo, a mulher da minha vida. Por favor, me perdoa, Lu..."

"..."

O resto do dia da verdade, passou em brancas nuvens...


***

Mas se fosse uma comédia, ela responderia: 

"Dã!!!! Enganei o boooobo, na casca do ooovo, quem caiu, caiu. Primeiro de abril!"

Se ela fosse insegura:

"Ela era loira ou morena? Era mais bonita que eu? Quantos anos ela tem? É magra?" 

Se ela tivesse se arrependido da brincadeira, simularia:

"Ai, Beto, não vale... Eu tive a ideia de te pregar uma peça, primeiro. Agora vem você tentando inverter o jogo?"

Por Elga Arantes, 2010.

7 comentários:

Noé disse...

E se fosse criativa?
Talvez algo assim como....pois é, eu tentando disfarçar, mas vou ter de contar....naquela viagem eu conheci...

Elga Arantes disse...

Será que seria mesmo criatividade, Noé? Porque nos dias de hoje, rsrs...sei não! Virou lugar comum...

Bel disse...

Que máximo: as variantes de um fim. Tu me surpreende sempre, Adorável! Adorei essa ideia invertida ... revertida.
Saudades daqui,

Um beijo,
Sininho.

Noé disse...

Ah, mas os dias de hoje são os melhores!
Mas ok, aceito o desafio. O que seria criativo?

Marcos Satoru Kawanami disse...

na vida real, o Beto não passaria recibo a não ser que ela escancarasse o jogo.

Elga Arantes disse...

Posso pensar, Noé? rsrs...

Kawanami, tem gente que passa recibo, sim. Ahhh, mas tem... Não tire base apenas por vc e/ou pela genuína dissimulação masculina, tá? Mas devo confessar que afrodisíaco para mim é homem inteligente, portanto... Ah! Portanto, tire vc as conclusões. Tô morrendo de fome para explanar. Fui!

Daniel Savio disse...

Fala sério, acho que nunca vou querer algo assim...

Fique com Deus, menina Elga Arantes.
Um abraço.